(41) 3244-6844 | FALE CONOSCO

Notícias

Do dia

Coisas que você precisa ter em mente para retornar às viagens de ônibus

12.02.2021

 

Enquanto esperamos para alcançar as fases finais do plano nacional de vacinação, é natural que os planos para o futuro já estejam em andamento. Com sorte, as festas deste fim de ano serão aproveitadas novamente com viagens e visitas aos nossos entes queridos e amigos mais próximos. Mas a vida não voltará ao normal como antes. É preciso continuar tomando alguns cuidados.

O primeiro deles é não abandonar a máscara. Ainda que você já tenha sido vacinado, não é seguro e nem garantido que as pessoas ao seu redor já tenham passado pelo processo de imunização. Por este motivo, não deixe de se cuidar e, no limite, cuide do próximo. Sabemos que, mesmo antes da aparição do covid-19 mundo afora, havia um número considerável de transmissão de vírus durante viagens por conta da aglomeração de pessoas em lugares fechados. Passageiros que embarcavam doentes, acabavam transmitindo enfermidades aos demais. Algo que nunca foi novidade, mas que não gerava uma preocupação tão grande por conta dos desdobramentos da gripe. Tratável, em raros casos debilitante, e sob controle sanitário.

O coronavírus impôs um desafio maior à ciência e à sociedade.
Testou a nossa capacidade de ficar em casa para evitar os altos níveis de contágio. E nos colocou em novas dinâmicas de saúde pública. Assim sendo, as empresas de transporte rodoviário, na impossibilidade de pararem completamente, uma vez que o Brasil em si não pôde parar, inovaram nas medidas e nos equipamentos para garantir a segurança de seus funcionários e passageiros.

O álcool gel, nesse sentido, continua sendo indispensável.
As empresas fazem a parte delas na higienização dos carros, mas o passageiro, principal interessado, também tem responsabilidade. A de não embarcar com sintomas de gripe e a de continuar tomando cuidados pessoais e higiênicos para não afetar os demais.

Aos poucos, vamos retomando os velhos hábitos. Mas mantendo em mente que ganhamos alguns novos por conta do coronavírus. Até que se saiba exatamente como controlar situações pandêmicas como a que enfrentamos desde março de 2020, a cautela e a segurança são indispensáveis para quem se propõe a viver nas estradas e encurtando o caminho até o destino favorito. Continue indo de ônibus e conte sempre com a gente. E sempre se preservando.