(41) 3244-6844 | FALE CONOSCO

Notícias

Do dia

As vantagens de andar de ônibus para desacelerar o ritmo

29.04.2019

Você já notou que a correria do dia a dia não deixa brechas para apreciar a vida com mais vagarosidade ou contemplação? Na sociedade, cresce o chamado slow movement, um manifesto que defende a desaceleração das pessoas. Nesse sentido, ir de ônibus, seja para uma viagem ou num trajeto curto na cidade, vai ao encontro desse movimento.

Uma das vantagens de fazer trajetos de ônibus é, sem dúvida, a possibilidade de desacelerar o ritmo já conturbado que nos cerca. Notificações no smartphone, pressão no trabalho, filhos, estudos, saúde, supermercado. Essas são algumas das demandas que o mundo moderno nos impõe. Para buscar o equilíbrio e fugir do estresse, desacelerar é essencial. Uma das válvulas de escape que você pode encontrar para isso é justamente fazer o caminho de ônibus.

Mais segurança de ônibus

Além disso, os motoristas dos ônibus passam por treinamentos e reciclagem constantes. Isso significa mais segurança na viagem. Outro ganho para o passageiro é não precisar pagar estacionamento em cidades cada vez mais inchadas, além de se livrar da baliza para achar uma vaga pelas ruas.

Ao contrário do trajeto solitário e estressante dos veículos, no ônibus é possível escolher entre apreciar a paisagem, ler um livro, escutar uma música, estudar ou até pegar um cochilo. Essa liberdade se vive nos assentos de um ônibus e, se você precisa da criatividade no dia a dia, há grandes chances de que os insights surjam à mente.


Aprecie a paisagem em uma viagem entre duas cidades

E o que dizer de viajar de ônibus entre dois destinos? No lugar de escalas e ameaça de cancelamentos, as companhias de transporte rodoviário são pontuais e saem da estação chova ou faça sol, em qualquer hora do dia ou da noite.

Ao subir as escadas de um ônibus para uma viagem, você tem a sensação de que o estresse e a pressão já ficaram na rodoviária, concorda? Aí você escolhe o que vai fazer durante o trajeto: dormir tranquilo declinando a poltrona, curtir a paisagem que muda a cada quilômetro rodado, colocar as séries em dia e até fazer novas amizades.

E o que falar daquelas paradas nas lanchonetes pelo caminho? É hora de esticar as pernas, conhecer alguma comida típica diferente da sua cidade-natal e apreciar cada tempo para desacelerar. Tudo slow, com segurança, sem se preocupar em pagar pedágios, ficar com o pescoço rígido pela pressão de uma viagem de carro.